segunda-feira, 14 de outubro de 2013

GTA Eletrônica: produtor paulista já aderiu ao Sistema Gedave.

51% do total das guias de trânsito animal emitidas em São Paulo são emitidas pelo produtor rural.

Relatório emitido pela Coordenadoria de Defesa Agropecuária, órgão da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento mostra que a emissão da guia de trânsito animal eletrônica (e-GTA) já faz parte da rotina dos produtores rurais do estado de São Paulo.
No primeiro mês de emissão pelo sistema (janeiro), o produtor paulista respondeu por apenas 14% (5.289) do total das guias de trânsito animal emitidas, um número bem diferente do último mês analisado pelo sistema (agosto) em que 51% (22.156) foram emitidas pelo produtor.
Na totalização, o relatório mostra que de janeiro a agosto deste ano, foram emitidas 318.813 guias de trânsito animal pelo Sistema Gedave. Desse total, 54% (172.189) foram emitidas pelo serviço veterinário oficial; 36% (115.176) pelo usuário externo vinculados nas atividades produtivas das propriedades rurais (o produtor); e 10% (31.448) pelos médicos veterinários da iniciativa privada habilitados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento a emitir GTA de animais egressos de eventos de concentração de animais.
Das guias emitidas no período 96.829 tiveram destino para abate; 170.838 para engorda; e 51.146 para outras finalidades.
O Sistema informatizado GEDAVE – Gestão de Defesa Animal e Vegetal, desenvolvido pela Secretaria em parceria com a Prodesp e lançado pelo governador Geraldo Alckmin, em evento realizado na sede da Defesa Agropecuária em 11 de dezembro passado. É acessado através do site www.defesaagropecuaria.sp.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário